Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Janeiro, 2019

Tarot&Mania - Sexto Sentido

   Quem nunca?  😊      Confabulando Quando você vê representações das cartas de tarot em todo lugar, seja em imagens, fotos, propagandas, comportamento de pessoas; seus hábitos, suas posturas. Em situações, lugares, objetos...Tudo parece com tarot. Tudo é tarot! Ver Tarot em tudo poderia ser algum tipo de Apofenia ou Pareidolia? 😲 Não, é só criatividade mesmo 😅, que se torna uma diversão, uma brincadeira, um aprendizado. Você vivência o tarot, cria elo, se identifica. Entende o tarot na sua essência. É muito bom! Quando você tem essa Mania, Tarot&Mania, o aprendizado se torna natural. Sua criatividade se expande.   Para compor o diálogo acima, usei cartas do magnífico Röhrig Tarot, com imagens sugestivas para o tema. Vamos explorar essas imagens e nos divertir um bocadinho. Ao fundo a carta 9 de Espadas estampada com um olho e arrame farpado. Podemos "viajar" nessa carta, só imaginando essas figuras. Será que olhar tem limites?

Osho Zen Tarot - 74. Arcano Menor ― Paciência (Sete de Arco-íris)

Nós nos esquecemos de como esperar; este é um espaço quase abandonado.  No entanto, ser capaz de esperar pelo momento certo é o nosso maior tesouro.  A existência inteira espera pelo momento certo.  Até as árvores sabem disso ― qual é o momento de florescer, e o de deixar que as folhas caiam, e de se erguerem nuas ao céu.  Também nessa nudez elas são belas, esperando pela nova folhagem com grande confiança de que as folhas velhas tenham caído, e de que as novas logo estarão chegando.  E as folhas novas começarão a crescer. Nós nos esquecemos de como é esperar: queremos tudo com pressa.  Trata-se de uma grande perda para a humanidade... Em silêncio e à espera, alguma coisa dentro de você vai crescendo ― o seu autêntico ser.  Um dia ele salta e se transforma numa labareda, e a sua personalidade inteira é estilhaçada: você é um novo homem.  E esse novo homem sabe o que é uma cerimônia, esse novo homem conhece os sumos eternos da vida. Osho Zen: The Diamond Thunderbolt, C

Osho Zen Tarot - 73. Arcano Menor ― Concessão (Seis de Arco-íris)

Não queira ser esperto, caso contrário, você permanecerá sempre o mesmo, nunca mudará. Soluções de conciliação nos caminhos do amor, e na senda da meditação, criarão muita confusão em você. Elas não ajudarão... Como pedir ajuda vai contra o ego, você tenta acomodar uma situação fazendo concessões.  Esse acerto será mais perigoso, ele o desorientará mais, porque, feito com base em coisas mal esclarecidas, só poderá confundir tudo ainda mais. Desse modo, tente entender primeiro o motivo pelo qual você parece estar sempre pronto para fazer concessões.  Mais cedo ou mais tarde, você será capaz de compreender que fazer concessões não adianta.  A concessão pode ser uma maneira de você não ser obrigado a optar entre caminhos alternativos, ou pode ser apenas a repressão da sua confusão.  Isso acabará virando um hábito.  Nunca reprima nada, seja muito claro a respeito do que está sentindo.  E se você estiver confuso, procure ter consciência disso.  Esta será a primeira coisa cla

Osho Zen Tarot - 72. Arcano Menor ― O Forasteiro (Cinco de Arco-íris)

Então, você está se sentindo um estranho. Isso é bom.  É o período de transição.  Mas é preciso estar atento para não se deixar tomar pela dor e infelicidade.  Agora que Deus não está mais aí, quem irá consolá-lo?  Você não precisa de consolo nenhum.  A humanidade já é maior de idade!  Seja um homem, seja uma mulher, e apoie-se nos seus próprios pés... A única maneira de conectar-se com a existência é aprofundando-se em si mesmo, porque, lá no seu centro, você ainda está conectado.  Fisicamente, você foi desconectado de sua mãe.  Essa desconexão foi absolutamente necessária, para transformá-lo num indivíduo autônomo.  Do universo porém, você não está desconectado.  A sua conexão com o universo é a consciência.  Essa conexão não é visível, portanto é necessário mergulhar profundamente em si mesmo, com grande consciência, atenção e observação, e você encontrará a conexão.  O Buda é a conexão! Osho God is Dead: Now Zen is the Only Living Truth, Cap. 3 Comentário

Osho Zen Tarot - 71. Arcano Menor ― O Avarento (Quatro de Arco-íris)

No momento em que você se torna avarento, fica  fechado para o fenômeno fundamental da vida: a  expansão, o compartilhar.  Quando começa a se apegar a coisas, você perde o alvo  de vista ― simplesmente perde.  Porque as coisas não  são o alvo: você, o seu ser interior, é que é o alvo ―  não uma bela casa, mas a sua beleza; não dinheiro em  abundância, mas a sua riqueza; não coisas demais, mas  um ser aberto, disponível a milhões de coisas. Osho Ancient Music in the Pines, Cap. 2 Comentário : Esta mulher levantou uma fortaleza à sua volta, e fica agarrada a tudo o que tem, a tudo o que considera seu tesouro.  Ela acumulou tanto para se enfeitar ― inclusive penas e peles de criaturas vivas ― que, no seu empenho, ela de fato ficou mais feia. Esta carta nos desafia a examinar aquilo a que estamos nos apegando e o que possuímos de tão valioso que precise ser protegido por uma fortaleza.  Não é preciso que seja muito dinheiro na conta, nem uma caixa repleta de joias ― poderia ser al

Agradeço pela visita, volte sempre!

Agradeço pela visita, volte sempre!
Cartas do Destino