sexta-feira, 20 de março de 2020

Tarot&Mania - Nas Sombras

 Da série: O quê você vê?

Veja, veja mais de perto....👀😉

→ A Sacerdotisa e seu livro das trevas, do outro lado do véu.

→ O Eremita, Lua e Diabo.

→ Os ritos profanos do Mago

→ O Papa realizando a missa negra 

→ As almas das tumbas do Julgamento

→ A Torre, um portal para o submundo

→ O Louco, não. O Louco não é louco para ir por essas bandas, ele curte um penhasco, um abismo.






Vemos o que queremos ver. 


Eu vejo tarot ❤️




Lucia

♪♫♬ 
Mistérios da Meia-Noite
Que voam longe
Que você nunca
Não sabe nunca
Se vão, se ficam
Quem vai, quem foi
♬♪♬

Zé Ramalho



Tarot&Mania - As Chamas da Paixão

Da série: O quê você vê?





Eu vejo:
Hellboy e Liz em um amor incandescente.
As chamas da paixão literalmente, nesta bela carta do Sol, do Tarot of Vampyres.
Ela luz, ele trevas.
O amor sombrio perfeito. 





Hellboy (2004), o demônio mais amado.


Tarot of Vampyres


No site da loja.simbolika.com, tem uma descrição da hora, 'escuta só' 😉📜


Sinopse
Abrace a noite enquanto você sucumbi a visões de rosas vermelho sangue e sente os ritmos apaixonados de seu coração batendo febrilmente. A lenda dos vampiros está enraizada na escuridão e sedução, mas sua mensagem eterna é de fome espiritual - para provar o Divino.
Caracterizando arte evocativa do estilo gótico de Ian Daniels, este tarô assombrosamente romântico é uma ferramenta para o despertar espiritual. Com ele, você pode mergulhar nas profundezas de suas sombras internas e emergir na luz radiante da verdade.
Inspirado pela estrutura de Rider-Waite, o tarô mostra o Tolo, a Sacerdotisa e outras figuras tradicionais, enquanto os trajes têm nomes únicos que clamam o misterioso e macabro: Scepters, Grails, Knives e Skulls. 
O livro complementar fornece significados das cartas detalhados, exercícios criativos, tiragens originais e instruções para criar seu próprio personagem Vampyre.
Um Baralho com 78 cartas

Gostou? 
Já começou a olhar alguns pescoços de forma diferente? 


Descrição
Baralho com 78 cartas de Tarô. 
Inclui livro com 312 páginas em Inglês. 

Um livro com 312 páginas é um deleite, imagine o que se esconde em cada 'cripta'. 
Mas, se o Inglês for trevas no seu caminho, não seja por isso, sua sede por 'sangue' vai diminuir quando você ver o preço.





Lucia


segunda-feira, 18 de novembro de 2019

Tarot&Mania - O Amor

Da série - O que você vê?

DeviantArt por Cupcakes lover



Parece um Ménage à trois Imagem relacionada

É a carta dos Amantes

Poderia ser a carta do Diabo, em intensa luxúria...

Ou Asmodeus em sua representação.

Ou o próprio Lúcifer, aquele da série da Netflix....que "ama" todas.  Resultado de imagem para emoticon sorrindo







Lucia




sexta-feira, 22 de fevereiro de 2019

Osho Zen Tarot - 78. Arcano Menor ― Maturidade (Ás de Arco-íris)



A diferença entre a relva e as flores é a mesma que existe entre você enquanto não sabe que é um Buda, e você no momento em que compreende que é um Buda.
De fato, nem poderia ser diferente.
O Buda é completamente florescido, inteiramente aberto. 
Os seus lótus, suas pétalas, chegaram a uma realização...
Com certeza, ser você mesmo, pleno de primavera, é muito mais belo do que o orvalho de outono caindo sobre as folhas de lótus. 
E olha que essa é uma das coisas mais lindas de se ver: o orvalho de outono caindo sobre as folhas de lótus, brilhando ao sol da manhã, como pérolas verdadeiras. 
Naturalmente isso não passa de uma experiência momentânea. 
À medida que o sol se levanta, o orvalho de outono começa a evaporar-se...
Essa beleza passageira certamente não pode ser comparada com uma eterna primavera em seu ser. 
Por mais longe que você consiga olhar para trás, verá que essa primavera sempre esteve ali. 
Olhando para frente o mais que pode, você se surpreenderá: trata-se do seu próprio ser. 
Onde quer que você esteja, essa primavera estará também, e as flores continuarão a cair sobre a sua cabeça. Isso é primavera espiritual.
Osho No Mind: The Flowers of Eternity, Cap. 5

Comentário:
O personagem desta carta está só, quieto, porém atento. 
O seu ser interior apresenta-se repleto de flores ― portadoras do espírito da primavera, e que renascem onde quer que ele vá. 
Este florescimento interior e a completude pessoal que ele sente, criam-lhe a possibilidade de uma mobilidade ilimitada.
Ele pode deslocar-se em qualquer direção ― no seu próprio interior ou no mundo aqui de fora, não faz diferença, pois a sua alegria e maturidade não podem ser diminuídas por fatores externos. 
Ele chegou a um tempo de centramento pessoal e de expansividade ― a aura branca que o envolve é a sua proteção, e a sua luz. 
O conjunto das experiências da vida o trouxeram a este tempo de perfeição.
Quando você tirar esta carta, saiba que o momento lhe traz um presente ― pelo trabalho pesado que foi bem feito. 
Agora, suas bases são sólidas, e o sucesso e a boa sorte estão assegurados porque são a consequência natural daquilo que já foi vivenciado em seu íntimo.




Lucia



Este artigo em pdf encontrado na net faz referências ao site osho.com, de onde todos os textos foram extraídos na íntegra, exceto os naipes.
Imagens - askthecards.info

sexta-feira, 15 de fevereiro de 2019

Osho Zen Tarot - 77. Arcano Menor ― Nós Somos O Mundo (Dez de Arco-íris)



Quando milhares e milhares de pessoas em todo o mundo estão celebrando, cantando, dançando, em êxtase, embriagados pelo sentimento do divino, não existe nenhuma possibilidade de um suicídio global.
Com essa festividade e com tanto riso, com tanto equilíbrio e saúde, com tanta naturalidade e espontaneidade, como poderia acontecer uma guerra?...
A vida lhe foi dada para que você crie, seja feliz e celebre. 
Quando você chora, quando está infeliz, fica sozinho. 
Quando está celebrando, a existência inteira participa com você.
Somente na celebração encontramos o que é fundamental, o que é eterno.
Somente na celebração ultrapassamos o círculo do nascimento e da morte.
Osho I Celebrate Myself, Cap. 4

Comentário:
Aqui, a humanidade é representada como um arco-íris de seres dançando em volta da mandala da Terra, com pessoas de mãos dadas e alegres, gratas pela dádiva da vida.
Esta carta representa um tempo de comunicação e de compartilhar as riquezas que cada um de nós traz para o todo. 
Aqui não há apego, nenhum sentimento de propriedade. 
É um círculo sem medo de sentimentos de inferioridade e de superioridade.
Quando reconhecemos a fonte comum da nossa humanidade, as origens comuns dos nossos sonhos e anseios, das nossas esperanças e dos nossos medos, tornamo-nos capazes de perceber que estamos todos juntos no grande milagre da existência. 
Quando conseguimos somar nossa enorme riqueza interior para criar um tesouro de amor e sabedoria que esteja ao alcance detodos, ficamos todos interligados no mecanismo único da criação eterna.




Lucia



Este artigo em pdf encontrado na net faz referências ao site osho.com, de onde todos os textos foram extraídos na íntegra, exceto os naipes.
Imagens - askthecards.info
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Selos